Reprovei, e agora?

9 de nov de 2015
 Reprovar nada mais é que um atraso de vida mas isso todo mundo já sabe e já ta cansado de ouvir. O post de hoje eu irei falar sobre o assunto de um jeito diferente.
 A primeira vez que eu reprovei de ano, foi bem chato, confesso, mas não foi algo marcante na minha vida pois eu nunca me deixei abalar, meus pais sempre me apoiaram, pois eu também estava adiantada e estava passando por alguns problemas na época.
 Na minha opinião, há vários motivos que levam uma pessoa a reprovar na escola, desde os idiotas até os compreensivos. Por exemplo: Tem pessoas que aprontam mil e uma na escola, não demonstram interesse e mesmo assim passam, outras tentam e mesmo assim não conseguem, é muito relativo. Algumas pessoas possuem dificuldades de aprendizado, talvez estejam passando por problemas familiares ou pessoais, enfim, mas isso não quer dizer que são burras, acho que o "reprovar" não tem nada a haver sobre o fato daquela pessoa ser inteligente ou não, acredito que cada um possui uma inteligencia em determinada coisa, alguns não são bons em física mas são ótimos em Literatura, e aí?
 Acredito que nas vezes que eu reprovei na escola, no fundo foi por um único motivo: Eu nunca tive um foco. Há crianças do jardim que já estão decididas do que querem ser quando crescerem, outras já terminaram os estudos mas não sabem ainda o que querem ser.
 Foco é uma força a mais para fazer você se sentir incentivado a correr atrás do que almeja, e isso me faltou nesses anos que se passaram, eu não tinha ideia do que queria ser e isso me impossibilitou de ter animo para correr atrás, estudar muito para conseguir aquele "algo". Algumas pessoas são assim, eu por exemplo sou assim. Sem um foco eu não corro atrás e sem um objetivo eu não luto com vontade, aquela garra, sabe? Quando eu sei o que eu quero eu corro atrás até alcançar.
 Mas então o que eu quero dizer é: Se você que está lendo isso agora acha ou acabou de pegar o resultado e ficou sabendo que reprovou, não se desespere, não fica triste. Acontece. Só aproveite e faça disso tudo, uma oportunidade para recomeçar e fazer tudo diferente. Procure algo que te interesse, que você goste, que valha a pena lutar. O melhor que se tem a fazer agora é descansar e focar em alguma coisa pois ficar deprimido não vai resolver.
  Eu espero ter ajudado, ou pelo menos ter servido de consolo. Vai por mim, a partir do momento que a gente sabe o que quer, a gente dá o nosso melhor e as coisas se tornam mais fáceis. Um abraço e até...

2 comentários:

  1. Eu nunca reprovei mas cheguei perto por que eram matérias que eu nunca tinha pensado em estudar no meu ensino médio: programação, web design, engenharia de software etc. Nossa, eu morreria de chorar hahaha eu sempre fui estudiosa e foi barra ver todo mundo "colando" e eu ficando em recuperação por que queria aprender. Ás vezes é muito relativo mesmo! Bjoss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bah, deve ter sido mesmo... É complicado.
      Pois é, ainda bem que deu tudo certo para você! :D
      Beijos

      Excluir